Tua mão na minha
Teu coração bate como o meu?
Não, não me deixe aqui sozinha
Não diga que já esqueceu

Daquelas noites de inverno
Do frio que você aqueceu
Não faça da minha vida um inferno
Não diga que já esqueceu

Daqueles tardes de verão
Quando tudo que eu queria era chamar tua atenção
Não finja que nunca percebeu
Não diga que já esqueceu

Daquelas manhãs de primavera
Do cheiro das flores, das minhas fantasias e quimeras
Nunca li o que você escreveu
Mas não diga que já esqueceu
Que já não me quer mais
Que me esqueceu


não finalizado.

0 Comentários: