O Brega Está Apenas no Fim.


É teu hálito na minha boca
É teu cheiro na minha pele
São tuas palavras no meu ouvido
E são teus olhos nos meus

É tua mão na minha
É teu ritmo no meu coração
É tuas pernas meu caminho
E é teus braços meu agasalho

É tua saliva que gruda
Que nos une
É minha escrita que te faz correr
Nos afasta

Mas são pra ti meus versos
Rimados ou não
Mas são pra ti meus segredos
Secretos ou não

E é por ti que chamo
Que choro
Que volto

Me aceita
Abre a porta
Me abraça
E vamos fazer tudo de novo

Dessa vez do jeito certo.




acho que é hora de dar Tchau  :D

0 Comentários: