Mera Utopia

Sinto teu cheiro aqui no travesseiro
Isso é imaginação
Teu suor grudou no meu corpo inteiro
Isso é alucinação

Obsessão, diriam os médicos
Paixão, diriam os mais poéticos
Bobagem, diria eu um ano atrás
Oh! Coragem, não agüento mais

Não agüento mais sonhar de olhos abertos
Não agüento mais implorar que tudo dê certo
Não posso mais esperar para te ter por perto

Saudade daquilo que nunca tive
Descumpri promessas que nunca mantive
Recolhendo restos de um desejo que nunca detive
É o preço que pago por querer tanto você

Mãos suadas, pernas trêmulas
Pernas apertadas, mãos trêmulas
Boca sedenta e mãos ágeis
Respiração lenta e movimentos fáceis

Me perco em ti em fantasia
Você me implora amor e se esvazia
E ao acordar, não sou mulher, sou quimera
Mera utopia...


ACHO QUE É HORA DE DAR TCHAU! (:

0 Comentários: