Com ou Sem Amor

Eu vou falar teu nome
Apenas para que você ouça como soa na minha boca
Só para te dar fome, uma sede avassaladora, louca

Vou te suar a pele
Vou te dizer coisas obscenas
Vou sonhar contigo enquanto meu sono vele
Vou fazer e refazer nossas cenas

Teus dedos se perderão em mim
Teus segredos nus numa noite sem fim
Nossos medos despidos depois de um mudo “sim”
E eu sou teu corpo, tua alma

Sim, devagar e com calma
Mais rápido e mais forte
Impedido ou não, com ou sem sorte
Com amor ou paixão, sem que se importe

Amanhã tudo acaba
Nosso ar todo se desaba
E lhe falta amor, lhe falta suor
Transpiração, ardor, pior, melhor

Certo, errado
Perto, leve e pesado
Quero te enlouquecer
Vou te fazer perceber que tudo pode acontecer...


ACHO QUE É HORA DE DAR TCHAU! (:

0 Comentários: