Culpas e Desculpas



Oiiie
Sim, maiis poemas... É, coisa chata neh?
Nada para contar, para comentar, sei láá...
Mas, tanto faz...
Aqui está um poema muito bonitinho e eu gostei das rimas dele, se você lê ráápido dá uma sonoridade bem legal, tipo, fica até engraçado...
É, eu achei, não sei vocês...
Enfim... Ai está ele... O nome é criativo, não? ¬¬'



Culpas e desculpas


A culpa é do teu cheiro
Do som da tua risada
Do timbre da tua voz
Da cor do teu cabelo e da rigidez dos teus dedos

A culpa é do teu corpo inteiro
Da tua camiseta manchada
Do teu jeito em desatar os nós
Do meu jeito em recebe-lo e da embriaguez de teus segredos

A culpa é do teu olhar
Do teu modo de respirar
Do teu jeito de nunca me escutar
Da tua forma desafinada de cantar

A culpa é do meu coração carente
Da minha mente doente
Da tua mão quente
E de teus sentimentos indiferentes

A culpa é da cor dos teus olhos azuis
Da covinha na tua bochecha
Do jeito que tua pele parece brilhar a pouca luz
A culpa sempre aparece quando você me deixa

A culpa não é do meu coração desocupado
Nem dos meus pensamentos descontrolados, cansados
A culpa é das tuas frases que parecem poesia
E desse teu sorriso tirado do mundo da fantasia

A culpa é do tempo
Do tempo que não passamos juntos
A culpa é do vento
Que não quis levar embora bobos insultos

A culpa é da tua mão na minha
Do jeito que meu coração saltita quando você se aproxima
A culpa é das palavras que ficam perdidas nas entrelinhas
E de como eu me contento em te ter por cima

A culpa é desse teu amor invisível, imaginário
A culpa é desse meu amor sensível, desnecessário
A culpa é desse nosso amor impossível, inexistente no calendário

A culpa é do nunca
Que guarda o nosso amor
A culpa é do sempre
Que me tem trancado junto com a dor

A culpa é tua
Se hoje te amo e choro
A culpa é da inconstante lua
Se hoje te chamo e inutilmente para qualquer santo eu oro

A culpa é do destino
Que te tirou do meu caminho
A culpa é dos longínquos sinos
Esses que embalam o meu fim, e eu estou sozinho
Sozinho

É hora de dar Tchaaau!  (:




0 Comentários: