TUDO NOVO DE NOVO!


 Sim, o título foi clichê e sem graça, mas o que eu posso fazer?

É só o que tenho...

TUDO NOVO DE NOVO porque hoje eu resolvi refazer meu querido e esquecido Blog.




***




Quero me apresentar...

Oiiie! (isso foi bem animado, então imagine uma menina de um metro e meio de altura, cabelo meio loiro, meio laranja, meio castanho, que às vezes tá liso, que às vezes tá meio qualquer coisa, enfim... Imagine esse pedaço de gente correndo em sua direção, essa sou eu)

-Meu nome é Marcia Luisa (digo sem fôlego, mas não dou minha mão para você apertar, sem formalidades, ok?)

“Maria Luisa?” (você me pergunta levantando uma sobrancelha, hei... Se você sabe fazer isso, então me ensine, eu passo horas e horas em frente ao espelho tentando fazer isso e ainda não consegui fazer com que apenas uma das minhas sobrancelhas levante por vontade própria =\, não que isso seja importante para você)

-Não... É MARCIA Luisa. (eu respondo paciente, já estou acostumada com isso mesmo, minha mãe querida do coração preferiu colocar MARCIA invés de MARIA, não pense que é porque ela não quis dar uma de brasileira e colocar um dos nomes mais comuns por aqui, não...

É porque meu querido pai se chama LUIS MÁRCIO.

Venho de uma família criativa, viram?)

Bom... Continuando...

Tenho, nesse exato momento, 16 anos e nasci no dia 27 de dezembro de 1992.

Ou seja, ganho apenas um presente no fim de ano, ou é de Natal ou é de aniversário, mas não estou reclamando...

Isso é legal, eu juro...

Porque eu sempre acabo ganhando um presente bom. :D

Eu tenho três irmãos, dois guris, então eu sei muito bem o que os guris fazem quando estão em casa, ou seja:

Jogam vídeo-game, assistam futebol, assistam basquete, falam palavrão e comem, comem MUITO e só.

Mas é legal, porque eu gosto de assisti-los jogando vídeo-game, amo assistir futebol, não gosto muito de basquete e a parte dos palavrões me deixa constrangida, e a parte do comer muito me incomoda às vezes, porque quando vou procurar os MEUS chocolates, eles não estão mais lá e adivinha quem pegou?

Ha-há!

Não foram meus irmãos, pelo menos é o que eles dizem...

Vocês acreditam que eles têm coragem de colocar a culpa nos duendes?

PeloAmordeDeus!

A parte legal de se conviver com os garotos, depois que a gente aprende a esconder nossos doces, nossos caderninhos secretos, nossos ursinhos de pelúcia para que eles não joguem bola com eles, e nossas pastas no computador de fotos daquele ator que a gente adora e que um dia vai se casar, é que você sabe exatamente o que os guris pensam e uma lâmpada acende em sua cabeça:

Hei, eles conseguem ser mais confusos que nós...

Então, eu sinto pena dos meus queridinhos e fofuxos (mentira, mentira) irmãos e acabo os
aconselhando sobre garotas, dizendo tudo que eles têm de fazer e tudo que eles não têm de fazer.Em troca de que?

Ah! É claro que tem algo em troca, com irmãos o negócio é assim, sabia?

Bom... O que eu peço em troca é:

“Sabe quando eu digo para me deixar em paz e sumir do meu quarto?

Ok, faça isso!”

Mas eles nunca me obedecem e fica por assim mesmo...

Eu tenho alguns vícios, hei... Não se preocupe e não ligue para o AA mais próximo não...

Os meus vícios são até saudáveis, eu acho...

Eu ADORO dormir de dia e passar a noite acordada.

Eu TENHO que dormir mais de doze horas por dia.

Eu ADORO ler romances de mulherzinha.

Eu SOU VICIADA em qualquer coisa de vampiros.

Eu TENHO que escrever, qualquer coisa, em qualquer lugar...

Eu ADORO seriados americanos.

Eu SOU VICIADA em música, mas quem não é?

Eu TENHO que comer chocolate quando estou... Ah! Eu simplesmente TENHO QUE COMER CHOCOLATE.

Eu ADORO assistir o jogo na quarta-feira e xingar o juiz ( de coisas do tipo: idiota, corno e às vezes até VIADO)

E SOU VICIADA em ironias e sarcasmos.

E minha lista não termina por ai, mas tenho certeza que você não quer ouvir (ler) né?
***


A cada postagem, vou deixar um pouquinho de mim, e espero que vocês apreciem...

Bom...

É hora de dar tchau...



P.S 1 “O ‘É hora de dar tchau...’ foi apenas para encerrar com outro clichê, ok?”

P.S 2 “O Dinki Winki era gay”


0 Comentários: